Print Sermon

O objetivo deste site é fornecer gratuitamente manuscritos e vídeos de sermões para pastores e missionários em todo o mundo, especialmente no Terceiro Mundo, onde há poucos ou nenhum seminário teológico ou escolas bíblicas.

Estes manuscritos, como também os vídeos dos sermões agora alcançam anualmente cerca de 1.500,000 computadores em mais de 221 países através do site: www.sermonsfortheworld.com. Centenas de outras pessoas assistem os vídeos noYouTube, mas rapidamente deixam o YouTube, pois cada vídeo os redireciona para nosso website. O YouTube redireciona as pessoas para nosso website. Os manuscritos dos sermões são traduzidos para 42 idiomas para cerca de 120.000 computadores mensalmente. Estes sermões manuscritos não estão protegidos por direitos autorais, para que, assim, pregadores possam usá-los sem nossa autorização. Clique aqui para saber como fazer uma doação mensal para ajudar-nos nesta grande obra de divulgar o Evangelho para todo o mundo.

Ao escrever para Dr. Hymers, mencione sempre o país onde você vive, caso contrário ele não poderá responder-lhe. O email do Dr. Hymers é rlhymersjr@sbcglobal.net.




COMO LEVAR UMA ALMA A CRISTO –
ACONSELHAMENTO PARA CONVERSÕES!

HOW TO LEAD A SOUL TO CHRIST –
COUNSELING FOR CONVERSIONS!
(Portuguese)

Sermão escrito por Christopher L. Cagan, Ph.D. (UCLA),
M.Div. (Talbot Seminary), Ph.D. (Claremont Graduate School),
E pregado pelo Rev. John Samuel Cagan
No Tabernáculo Batista de Los Angeles
Manhã do Dia do Senhor, 26 de Agosto de 2018
A sermon written by Christopher L. Cagan, Ph.D. (UCLA),
M.Div. (Talbot Seminary), Ph.D. (the Claremont Graduate School),
and preached by Rev. John Samuel Cagan
at the Baptist Tabernacle of Los Angeles
Lord’s Day Morning, August 26, 2018

“Se não vos converterdes... de modo algum entrareis no Reino dos céus” (Mateus 18:3).


Jesus disse que uma pessoa deve converter-se - ter uma conversão - ou essa pessoa não pode ir para o céu. A palavra grega traduzida como “convertido” é “epistrepho”. Significa “virada”. Isto não é fazer uma oração do pecador ou levantar a mão. Esta é uma mudança de coração que Deus dá ao pecador no novo nascimento. Jesus disse a Nicodemos: "Se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus" (João 3:3). Mais uma vez, Cristo disse: “Você deve nascer de novo” (João 3:7). Esta é uma mudança radical de coração. A Bíblia diz: “Se alguém está em Cristo, nova [criatura] é: as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo ” (II Coríntios 5:17). Isto não é apenas fazer uma oração do pecador. Isso é conversão! Esta manhã eu gostaria de falar-lhes sobre o aconselhamento para trazer um pecador à conversão a Cristo.

O que é conversão? O que queremos que aconteça? O pecador precisa de uma conversão, não de uma decisão. Desde a época de Charles Finney (1792-1875), o “decisionismo” tomou o lugar da conversão em muitas igrejas em todo o mundo. Milhões de pessoas fizeram uma decisão, mas não foram convertidas.

O que é "decisionismo"? O que é conversão? Aqui está a definição do livro A Apostasia de Hoje, escrito pelo Dr. Hymers e meu pai, Dr. Cagan.

     Decisionismo é a crença de que uma pessoa é salva vindo para frente, levantando a mão, fazendo uma oração, acreditando em uma doutrina, fazendo um compromisso de serviço, ou algum outro ato humano externo, que é aceito como o equivalente, ou como prova do milagre da conversão interior. Decisionismo é a crença de que uma pessoa é salva através de uma ação, de uma decisão meramente externa; a crença de que fazer uma dessas ações humanas mostra que uma pessoa é salva.
     Conversão é o resultado da obra do Espírito Santo que atrai o pecador perdido a Jesus Cristo para justificação e regeneração, e muda a posição do pecador diante de Deus de perdida para salva, transmitindo a vida divina à alma depravada, produzindo assim uma nova direção. à vida do convertido. O lado objetivo da salvação é a justificação. O lado subjetivo da salvação é a regeneração. O resultado é a conversão. (tradução de A Apostasia de Hoje, pp. 17, 18).

Tomar uma decisão é algo humano que qualquer pessoa pode fazer, a qualquer hora. Conversão é um ato sobrenatural que muda a vida e o destino eterno de uma pessoa para sempre.

Conseguir uma decisão é muito mais fácil do que levar uma alma à conversão.Um pregador pode ter um grande número de "decisões" para contar. Você pode levar alguém a tomar uma decisão em qualquer lugar, a qualquer momento. Você pode orar a oração do pecador com pessoas na porta da frente, em um avião ou em qualquer outro lugar. Você pode contar as pessoas que fazem uma decisão, mas provavelmente nunca mais as verá. Elas tomaram uma decisão, mas não experimentaram uma conversão.

Para a conversão, a maioria das pessoas precisa ir à igreja e ouvir o Evangelho várias vezes antes de entendê-lo e confiar em Cristo. Algumas pessoas vêm à igreja por meses e até anos antes de se converterem.

Para levar pessoas a Cristo, você deve falar com elas individualmente, depois de responderem ao seu apelo. Leve-as para um outro lugar onde você possa conversar com elas. Não as conduza automaticamente a fazer uma rápida oração. Fazer a chamada “oração do pecador” não é o mesmo que crer em Jesus. Levantar a mão, vir à frente ou ser batizado não é o mesmo que crer em Jesus. Fazer essas coisas não prova que uma pessoa creu em Jesus. Crer em Jesus é algo diferente, único e especial em si mesmo. Crer em Jesus é crer em Jesus.

Levar uma pessoa a crer em Cristo e experimentar uma conversão real requer tempo, esforço, discernimento, oração e a graça de Deus. O Dr. Hymers e o Dr. Cagan têm aconselhado pessoas à conversão por mais de trinta anos. Aqui estão algumas coisas que eles aprenderam.

1. Primeiro, os pastores precisam ouvir os pecadores.

Não presuma - como virtualmente todos os pregadores evangélicos fazem - que o pecador já entende o Evangelho. Você deve ouvi-lo e descobrir em que ele acredita. Qual é o seu passado religioso? O que ele crê a respeito de Jesus? Ele acha que Cristo é um espírito? Ele acha que Cristo já vive em seu coração? Ele acha que Jesus está irado com ele? Ele acha que vai para o céu ou não? Tenha conhecimento sobre o que ele pensa. Em seguida, mostre-lhe a verdade e leve-o ao verdadeiro Cristo.

Como o pecador vive? Há algo que possa impedi-lo de viver uma vida cristã - pornografia, adultério ou a oposição de membros da família? Os pecadores não precisam tornar-se perfeitos para serem salvos - eles não podem. Mas alguém que voluntariamente e persistentemente se apega a grandes pecados não está confiando em Cristo. Ao invés disso, ele está confiando em si mesmo.

Se você não escuta os pecadores, não pode ajudá-los. Descubra por que o pecador veio falar com você. O que ele quer que Jesus faça por ele? Por que ele veio? Uma pessoa disse que queria que Jesus lhe arranjasse um emprego. Mas isso não é salvação! Mesmo se Jesus lhe desse um emprego, ele ainda estaria perdido. A pessoa deve querer seus pecados perdoados pelo sangue de Jesus.

2. Segundo, pecadores cometem enganos sobre Jesus Cristo.

O que o pecador pensa sobre Jesus? Pergunte a ele: “Onde está Jesus agora?” A Bíblia diz que Jesus está nos céus “à destra de Deus”, o Pai (Romanos 8:34). Mas a maioria dos batistas perdidos acha que Jesus já está dentro de seus corações, ou que Ele é um espírito flutuando no ar. Você não pode ir a Jesus se você não sabe onde ele está.

Pergunte ao pecador: “Quem é Jesus?” Muitas pessoas pensam que Ele é apenas um homem, um dos grandes mestres da história. Mas esse "Jesus" não pode salvar ninguém. Algumas pessoas pensam que Ele é um espírito, ou que Jesus é o Espírito Santo. Mas Cristo não é um espírito. Depois que Jesus ressuscitou dos mortos, a Bíblia diz

“E eles, espantados e atemorizados, pensavam que viam algum espírito. E ele lhes disse: Por que estais perturbados e por que sobem tais pensamentos ao vosso coração? Vede minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo: tocai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho. E, dizendo isso, mostrou-lhes as mãos e os pés. E, não o crendo eles, ainda por causa da alegria e estando maravilhados, disse-lhes: Tendes aqui alguma coisa que comer? Então, eles apresentaram-lhe parte de uma peixe assado e um favo de mel, que Ele tomoou e comeu diante deles” (Lucas 24: 37-43).

Depois de haver ressussitado dos mortos, Jesus comeu. Um espírito não come. Um espirito não tem carne e ossos como Cristo teve. E um espírtito – nem mesmo o Espírito Santo – nào tem sangue para lavar o pecado!

Pergunte ao pecador: “Jesus está irado com você?” Muitos católicos e outros pensam que Ele é. Eles acreditam em um "Cristo" furioso - que não é o Jesus do Novo Testamento. A Bíblia diz que Jesus ama os pecadores. Ele perdoou o ladrão na cruz e uma mulher apanhada em adultério. Como pode um pecador confiar em alguém que está irado com ele? Corrija esses erros e aponte o pecador para o verdadeiro Jesus

3. Terceiro, pecadores cometem erros sobre a salvação.

Existem três tipos principais de erros sobre a salvação. Muitos pecadores pensam que, se fizerem uma dessas coisas, serão salvos - ou se tiverem feito uma dessas coisas, isso prova que são salvos. Aqui estão as três principais coisas nas quais os pecadores crêem em vez de crerem em Cristo.

Ação física: como o batismo, ir à frente, levantar a mão, fazer um compromisso de senhorio, desistir de alguns pecados (isso não é arrependimento Bíblico, que é uma mudança de opinião), ou fazer a oração do pecador. Essas são obras humanas que não podem salvar a ninguém. A Bíblia diz: "Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou." (Tito 3:5).

Ação mental: ter os pensamentos corretos ou crer em fatos Bíblicos sobre Jesus ou sobre a salvação. Os pecadores costumam dizer: “Creio que Jesus morreu na cruz por mim”. Mas milhões de pessoas crêem nesse fato. Até o Diabo crê que Jesus é o Filho de Deus que morreu na cruz e ressuscitou. Ele viu isso acontecer. A Bíblia diz: “Os demônios também crêem e estremecem” (Tiago 2:19). O pecador deve crer em Jesus Cristo, não fatos sobre Ele.

Ações emocionais: aqueles sentimentos e experiências, a busca por “segurança” e não por Cristo, ou sentir-se melhor na vida. Sentimentos sobem e descem. Todo mundo tem bons pensamentos e bons sentimentos. Todo mundo tem maus pensamentos e maus sentimentos. O pecador sabe disso. Ele já teve esses sentimentos. Se você confia em seus sentimentos, você vai pensar que está salvo e, em seguida, perdido; perdido e, em seguida, salvo, por toda a sua vida. Salvação é somente em Cristo, não em sentimentos. Um grande e antigo hino diz:

Em nada ponho a minha fé
   Senão na graça de Jesus;
No sacrifício remidor,
   No sangue do bom Redentor.
A minha fé e o meu amor,
   Estão firmados no Senhor;
Estão firmados no Senhor.
   (“Firmeza” por Edward Mote, 1797-1874).

Corrija esses erros e aponte o pecador diretamente para Jesus, para perdão do pecado pelo Seu Sangue.

Muitas idéias falsas mencionam Cristo, mas essas idéias “O colocam abaixo” ou “O canalizam através de” outras coisas. Algumas pessoas pensam que, se você for batizado, receberá a salvação em Cristo. Isso coloca Cristo “abaixo” e “através” da água do batismo. Muitos pensam que se você fizer uma oração do pecador, você será salvo, e a oração é o mesmo que confiar em Jesus. Então, eles fazem com que as pessoas façam essa oração e contam quantos assim o fizeram, quando muito poucos deles confiam em Jesus e são convertidos. Isso é colocar Cristo “abaixo” e “através” das palavras de uma oração. A Bíblia diz que “o próprio Jesus Cristo” é a principal pedra angular (Efésios 2:20), não as palavras de uma oração do pecador. Direcione o pecador para confiar tão somente em Jesus Cristo.

Eu tenho visto pessoas correndo de um erro para outro. Eles podem começar procurando por um “sentimento”. A próxima vez eles podem dizer: "Eu não tive um sentimento. Eu apenas cri que Cristo morreu por mim ”. O pecador passou do erro de procurar um sentimento para o erro de confiar em um fato sobre Cristo. Tire o pecador de seu refúgio de mentiras e aponte-o para Cristo.

4. Quarto, pecadores precisam estar convictos do pecado de seus corações.

O pecador deve estar convicto do pecado de seu coração. Todos admitem que são pecadores de alguma forma. Todos admitem que não são perfeitos, que fizeram algumas coisas erradas. Eu não estou falando sobre isso.

Eu não estou falando sobre consciência de pecados reais ou específicos. Sim, o pecador cometeu muitos pecados. Mas apenas pensar sobre esses pecados não irá salvá-lo. Se você passar por uma lista de pecados específicos, o pecador pode pensar: “Eu não estou fazendo essas coisas, então eu devo ser salvo.” Ou ele pode pensar: “Eu vou parar de fazer essas coisas e isso mostrará que eu ' estou salvo. ”

O pecado vai muito além disso. Todos são pecadores por dentro, com uma natureza pecaminosa herdada de Adão. Todo mundo tem um coração perverso. A Bíblia diz: “O coração é enganoso acima de todas as coisas e extremamente perverso” (Jeremias 17: 9). Todo pecador é egoísta por dentro. Todo pecador é contra Deus em seu coração. Isso é muito mais profundo do que os pecados específicos que uma pessoa fez. O que eles fazem vem do que são. Muito mais profundo do que qualquer coisa que o pecador faz, seu coração, todo o seu ser, é pecaminoso e errado. O pecador deve sentir o pecado do seu próprio coração. Diga-lhe sobre o pecado do seu coração em sua pregação e quando você fala com ele depois do sermão.

Um pecador não pode mudar seu próprio coração, da mesma maneira que uma cabra não pode se transformar em uma ovelha. Isso significa que ele está perdido e não pode salvar-se a si mesmo. Ele não pode confiar em Cristo por si mesmo. Só Deus pode atraí-lo para Jesus. Cristo disse: "Ninguém pode vir a mim, a não ser que o Pai, que me enviou, o atraia" (João 6:44). Isso é chamado de “a prensa do evangelho” - o pecador precisa vir a Cristo, mas ele não pode fazê-lo. Ele não pode fazer nada para salvar-a si mesmo. Como a Bíblia diz: "A salvação é do Senhor" (Jonas 2: 9). O pecador deve ser como Isaías que disse: “Ai de mim! Que vou perecendo”(Isaías 6:5). Mostre-lhe o pecado do seu coração. Mostre que ele não pode salvar a si mesmo. Mostre que ele precisa de misericórdia. Então ele assim poderá vir a Cristo.

5. Quinto, se o pecador está convicto do pecado do seu coração, tente levá-lo a Cristo.

Eu não levo a Cristo todos que vem falar comigo! Algumas pessoas estão apenas curiosas. Eles não querem ser perdoados do seu pecado. Algumas pessoas vêm apenas porque viram outras pessoas virem. Algumas pessoas não têm noção do seu pecado e nenhum despertar dado por Deus. Levar as pessoas a fazerem uma oração para confiar em Cristo sem que estejam desejando seriamente fazê-lo, apenas as levará a uma falsa conversão. Quando parece que uma pessoa deseja confiar em Cristo?

Você pode levar a pessoa a fazer uma simples oração, como “Jesus, eu confio em Ti. Lava meu pecado com Teu Sangue.” Ou talvez não haja oração alguma, apenas uma volta direta a Cristo para o perdão através do Seu Sangue. O pecador não precisa fazer uma oração. O pecador não precisa fazer uma imagem de Jesus em sua mente. As palavras não precisam estar "certas". Algumas pessoas memorizam - e repetem novamente - as palavras "certas", mas não confiam em Cristo. O ladrão na cruz não disse palavras perfeitas. Ele disse: “Senhor, lembra-te de mim quando entrares no teu reino” (Lucas 23:42). Mas ele sabia que ele era um pecador sem esperança e se voltou para Cristo. Foi assim tão simples! O Senhor disse-lhe: "Hoje estarás comigo no paraíso" (Lucas 23:43). Confiar no próprio Cristo é muito mais importante do que dizer palavras!

6. Sexto, depois de haver conversado com o pecador, faça algumas perguntas simples.

Pergunte a ele: “Você creu em Jesus?” Se ele disser “não”, fale com ele novamente. Se ele disser "sim" pergunte a ele quando foi que ele creu em Jesus. Se ele disser: "Eu tenho crido Nele por toda minha vida" ou "cria nele há muito tempo atrás", ele ainda não é convertido.

Se ele diz: "Eu cri em Cristo agora", pergunte a ele o que ele fez. Tente levá-lo a descrever com suas próprias palavras o seu ato de confiança. As pessoas podem memorizar as “palavras da igreja” que ouvem e repeti-las mesmo que não sejam convertidas. O que o pecador fez ao crer? Ele creu em algo sobre Cristo? Ele creu em um sentimento? Ou ele creu tão somente em Cristo?

Pergunte-lhe: “O que Jesus Cristo fez por você?” Se a pessoa não falar sobre Cristo perdoar seu pecado pelo Seu Sangue, mas falar sobre seus próprios pensamentos, sentimentos ou bondade, ele não é salvo!

Pergunte-lhe: "Se você morresse hoje, você iria para o céu ou para o inferno?" Se ele diz "Céu", pergunte-lhe por quê. O que ele diria a Deus se Deus lhe perguntasse por que ele deveria entrar no céu? Se a pessoa falar de boas obras ou algo além de Cristo e Seu Sangue, ele não é salvo! Então pergunte a ele: “Se, daqui há um ano, digamos que você tenha tido um pensamento ruim e morrer logo em seguida, para onde iria?” Se ele disser “Inferno”, ele está dependendo de sua própria bondade e não de Cristo. Então você pode perguntar a ele: “Se, daqui há um ano, se você deixe a igreja e nunca mais volte, e viver com uma mulher (ou homem) sem se casar, tendo sexo com ela, e você esteja usando drogas todos os dias, você seria um cristão ou não? ”Se ele disser “sim”, ele ainda não lidou com o problema do pecado e ainda está perdido.

É importante pedir que ele não apenas diga: “Confiei em Jesus”, mas que descreva o que fez com Jesus no momento em que creu. Você quer ouvir sobre o momento em que ele creu, não toda a história de sua vida ou tudo o que aconteceu naquele dia. Eu não procuro por pensamentos ou sentimentos específicos. Mas os elementos de seu pecado e perdão desse pecado através do sangue de Cristo, através do ato de confiar no próprio Cristo devem estar lá. Os detalhes da experiência podem ser diferentes de pessoa para pessoa.. Eu procuro por uma genuinidade, por uma realidade no que a pessoa diz.

Se a pessoa cometeu um erro, corrija esse erro e fale com ela novamente. Mas uma pessoa que comete o mesmo erro repetidamente mostra que não é sério em sua conversão. Aqueles que Deus está atraindo para a salvação, ouvirão os sermões e seu conselho. Aqueles que não escutam não serão convertidos.

Não fique desapontado se a pessoa não for salva depois de falar com ele. Poucos são os que convertem-se na primeira vez que ouvem o Evangelho, mas a maioria não é. A maioria das pessoas tem que vir múltiplas vezes antes de confiar em Cristo.

Fale com cada pessoa mais de uma vez. Não batize as pessoas imediatamente. Peça-lhes que esperem pelo menos um ano, e provavelmente dois anos seriam melhores na condição de apóstata das igrejas em nossos dias. Provavelmente dois ou três anos seriam melhores. Isso lhe dará tempo para ver se a fé deles é genuína. Você pode acompanhar uma pessoa de maneiras diferentes durante esse período. Você pode pedir-lhe que dê seu testemunho - fora de um culto na igreja. Você pode perguntar a ele semanas ou meses depois. Aqueles que não confiaram em Cristo esquecerão o “testemunho” que inventaram e cometerão erros depois de um ano ou dois. Eles só queriam "passar" e ser aprovados, mas não creram em Jesus. Outros podem memorizar algumas palavras e repeti-las, mas quando você perguntar de uma maneira diferente em outro momento, elas não saberão o que dizer, porque não têm uma experiência pessoal com Jesus.

Veja sua atitude e conduta. Uma pessoa que deixa sua igreja e se recusa a ouvi-lo mostra que ele não estava falando sério sobre o pecado e não confiava em Cristo. Uma pessoa com uma persistente má atitude em relação à igreja e à vida cristã mostra que ele não estava falando sério sobre o pecado e não confiava em Cristo.

7. Sétimo, lembre-se do verdadeiro teste do ministério de aconselhamento.

O verdadeiro teste do ministério de aconselhamento é este: você pode dizer a uma pessoa que ele não confiava em Cristo e não foi convertido naquele dia? VOCÊ PODE DIZER UMA PESSOA QUE DEVE VOLTAR E FALAR COM VOCÊ DE NOVO SOBRE SUA SALVAÇÃO? Não conheço nenhum pastor que assim o faça. É por isso que nossas igrejas estão cheias de pessoas perdidas, incluindo professores da Escola Dominical, diáconos, esposas de pastores e pastores. Os pastores insistem em fazer uma oração com todos que respondem ao convite da salvação. Eles fazem isso para que possam contar o número de batismos. Quase nenhum daqueles que eles batizam são salvos. Eles não permanecem fiéis à igreja porque não nasceram de novo. Essas pessoas não são "desviadas". Elas estão perdidas porque o pregador nunca gastou tempo certificando-se de que elas haviam se convertido. Se você pode dizer a uma pessoa que ela ainda está perdida e precisa voltar novamente é o verdadeiro teste do seu ministério. É você como as pessoas que “amavam mais o louvor dos homens do que o louvor de Deus”? (João 12:43) Ou você fala a verdade gostem ou não?

Esta é uma maneira de dizer: Você acredita na conversão real - uma verdadeira confiança em Cristo que resulta em uma verdadeira vida cristã? Se você insiste em guiar todos em uma oração, ou levantar a mão, ou assinar um cartão, você é um “decisionista”. Você não está cuidando das almas que Deus enviou para você.

Espero que alguns de vocês acreditem na conversão real. Espero que alguns de vocês vejam a necessidade de ter tempo com cada pessoa, para ter certeza de que ele confia em Cristo e é convertido. É isso que um pastor fiel faz. O fiel pastor se preocupa com as ovelhas. Espero que você faça o possível para garantir que seu povo confie em Cristo e seja convertido.

VOCÊ PODE PENSAR QUE EU ME DETALHEI MUITO NISTO, QUE A CONVERSÃO É REALMENTE UMA MATÉRIA SIMPLES QUE NÃO EXIGE MUITO PENSAMENTO. Mas e se a medicina não exigisse que obstetras soubessem os detalhes do nascimento de um bebê? E se todos fizessem a mesma coisa, ou não lavassem as mãos ou não soubessem o que fazer em um parto difícil, etc.? E se tratássemos a nascimento de bebês como tratamos ganhar almas, milhões de bebês morreriam desnecessariamente - porque neste exato momento milhões de almas estão morrendo desnecessariamente e indo para o inferno porque não gastamos tempo suficiente garantindo sua conversão, ou ensinando pessoas como fazer isso em nossas escolas bíblicas e seminários – ONDE ISSO NÃO É ENSINADO DE MANEIRA ALGUMA!

Eu vou ler a letra do hino “Then Jesus Came”, de Oswald J. Smith com a música de Homer Rodeheaver. Quando Jesus entra em sua vida, Seu sangue purifica você de todo pecado; o sangue que Ele derramou na cruz ainda está disponível para purificar o seu pecado. E Jesus ressuscitou dos mortos para dar-lhe a vida eterna. Somente confie em Jesus e Ele perdoará seu pecado e lhe dará vida eterna. Eu espero que você volte e jante conosco às 18:15hrs esta noite. O Dr. Hymers pregará um sermão evangelístico intitulado “Um homem cego curado por Jesus”. Certifique-se de voltar às 18:15hrs esta noite e ficar para jantar depois que o Dr. Hymers falar.

Um pobre cego a beira de uma estrada
envolto em trapos, trevas e desdém
Pedia esmola de alma angustiada
veio Jesus e trouxe a luz e o bem
Ao vir Jesus a tempestade cessa
Ao vir Jesus as lágrimas se vão
Ele transforma toda a nossa vida
Iluminando a negra escuridão

Os maus espíritos de todos o afastaram
Em tumbas e em miséria habitou
Sofrendo dores vis, atormentado
Veio Jesus e o homem libertou
Ao vir Jesus a tempestade cessa
Ao vir Jesus as lágrimas se vão
Ele transforma toda a nossa vida
Iluminando a negra escuridão

Hoje também o pecador depara
em Cristo livramento da aflição
Em meio a tentação que o destroçara
Veio Jesus e trouxe a salvação
Ao vir Jesus a tempestade cessa
Ao vir Jesus as lágrimas se vão
Ele transforma toda a nossa vida
iluminando a negra escuridão
   (“Um Pobre Cego” – cantado por Feliciano Amaral,
      Letra: Dr. Oswald J. Smith, 1889-1986;
      Música: Homer Rodeheaver, 1880-1955).


AO ESCREVER PARA DR. HYMERS, VOCÊ PRECISA MENCIONAR O PAÍS DO QUAL VOCÊ ESTÁ ESCREVENDO, CASO CONTRÁRIO ELE NÃO PODERÁ RESPONDER SEU E-MAIL. Se estes sermões o abençoam envie um e-mail para o Dr. Hymers para dizer-lhe, mas sempre inclua o país do qual você está escrevendo. O e-mail do Dr. Hymers é: rlhymersjr@sbcglobal.net (clique aqui). Você pode escrever para Dr. Hymers em qualquer idioma, mas, se puder, escreva em Inglês. Se você quiser escrever para Dr. Hymers pelo correio, seu endereço é: P. O. Box 15308, Los Angeles, CA 90015. Você pode contatá-lo via telefone: (818) 352-0452.

(FIM DE SERMÃO)
Você pode ler sermões do Dr. Hymers cada semana na Internet
em www.sermonsfortheworld.com.
Clique no “Sermão em Português.”

Estes manuscritos de sermão não estão protegidos com direitos autorais. Você pode usá-
los sem permissão do Dr. Hymers. Porém, todas as mensagens de vídeo do Dr. Hymers
estão com direitos autorais e podem ser usados somente com permissão.

Solo cantado antes do Sermão por Benjamin Kincaid Griffith:
“Then Jesus Came” (Letra: Dr. Oswald J. Smith, 1889-1986;
Musica: Homer Rodeheaver, 1880-1955).


O ESBOÇO DO

COMO LEVAR UMA ALMA A CRISTO –
ACONSELHAMENTO PARA CONVERSÕES!

HOW TO LEAD A SOUL TO CHRIST –
COUNSELING FOR CONVERSIONS!

Sermão escrito por Christopher L. Cagan,
E pregado pelo Rev. John Samuel Cagan

“Se não vos converterdes... de modo algum entrareis no Reino dos céus”
(Mateus 18:3).

(João 3:3, 7; II Coríntios 5:17)

1. Primeiro, os pastores precisam ouvir os pecadores.

2. Segundo, os pecadores cometem enganos sobre Jesus Cristo.
Romanos 8:34; Lucas 24:37-43.

3. Terceiro, pecadores cometem erros sobre a salvação.
Tito 3:5; Tiago 2:19; Efésios 2:20.

4. Quarto, os pecadores precisam estar convictos do pecado de seus corações.
Jeremias 17:9; João 6:44; Jonas 2:9; Isaías 6:5.

5. Quinto, se o pecador está convicto do pecado do seu coração,
tente levá-lo a Cristo. Isaías 6:5; Lucas 23:42, 43.

6. Sexto, depois de haver conversado com o pecador,
faça algumas perguntas simples.

7. Sétimo, lembre-se do verdadeiro teste do ministério de aconselhamento.
João 12:43.