Print Sermon

Os manuscritos dos sermões e videos do site www.sermonsfortheworld.com alcançam agora cerca de 116.000 computadores em mais de 215 países a cada mês. Centenas de outros assistem os vídeos noYouTube, mas rapidamente deixam o YouTube, pois cada vídeo os direciona para nosso website. O Youtube direciona as pessoas para nosso website. Os manuscritos dos sermões são traduzidos em 34 idiomas para milhares de pessoas a cada mês. Por favor clique aqui para saber como fazer uma doação mensal para ajudar-nos nesta grande obra de espalhar o Evangelho para todo o mundo, incluindo as nações muçulmanas e hindus.

Ao escrever para Dr. Hymers, mencione sempre o país no qual você vive, caso contrário ele não poderá responder-lhe. O email do Dr. Hymers é rlhymersjr@sbcglobal.net.




JESUS – SOFRENDO NO JARDIM

JESUS – SUFFERING IN THE GARDEN
(Portuguese)

por Dr. R. L. Hymers, Jr.

Sermão pregado no Tabernáculo Batista de Los Angeles
Manhã do dia do Senhor, 28 de fevereiro de 2016
A sermon preached at the Baptist Tabernacle of Los Angeles
Lord’s Day Morning, February 28, 2016

“E foram a um lugar chamado Getsêmani, e disse aos seus discípulos: Assentai-vos aqui, enquanto eu oro. E tomou consigo a Pedro, e a Tiago, e a João, e começou a ter pavor, e a angustiar-se. E disse-lhes: A minha alma está profundamente triste até a morte; ficai aqui, e vigiai” (Marcos 14:32-34).


Cristo havia comido a Páscoa com seus discípulos. Ao final do jantar, Cristo deu-lhes o pão e o cálice – o que chamamos de “Ceia do Senhor”. Ele, então, lhes disse que o pão falava de seu corpo, que seria crucificado na manhã seguinte. O cálice falava de seu sangue, que ele derramaria para purificar-nos de nossos pecados. Em seguida, Jesus e os discípulos cantaram um hino, e sairam do aposento na noite escura.

Eles desceram pela encosta oriental de Jerusalém e atravessaram o ribeiro de Cedron. Eles, então caminharam um pouco mais além, até à borda do Jardim do Getsêmani. Ali na borda do jardim Jesus deixou oito dos Discípulos e disse-lhes que orássem. Indo adiante, mais para dentro do jardim, deixou Pedro, Tiago e João. Jesus, então, foi ainda mais adiante, para debaixo das sombrias oliveiras. Foi ali que Ele “começou a entristecer-se [ter muito pavor] e angustiar-se [afligir-se]; e disse-lhes: A minha alma está triste até a morte ... E, indo um pouco mais adiante, caiu por terra e orou para que, se possível fosse, não chegasse a terrível hora que o esperava” (Marcos 14:33, 35).

O bispo J. C. Ryle da Igreja da Inglaterra disse: “A história da agonia do Senhor no Jardim do Getsêmani é uma passagem profunda e misteriosa das Escrituras. Ela contém coisas que os mais sábios [teólogos] não podem explicar totalmente. No entanto, tem ... verdades claras de [grande] importância “(tradução de J. C. Ryle, Expository Remarks on Mark, The Banner of Truth Trust, 1994, p 316; notas em Mark. 14: 32-42).

Transportemo-nos, em nossas mentes, ao Getsêmani nesta manhã. Marcos nos diz que Ele estava “entristecido” (Marcos 14:33). A palavra grega é “ekthambeisthai” - que significa profundamente entristecido, profundamente aflito, grandemente angustiado, atônito e alarmado. “E adiantando-se um pouco, caiu por terra” ... E Ele lhes disse: "A minha alma está “triste até a morte” (Marcos 14:34, 35).

O Bispo Ryle disse: "Há apenas uma explicação razoável para estas expressões. Não foi um mero medo do sofrimento físico ... Foi sim o peso enorme da carga da culpa humana, que, naquele momento começou a cair sobre ele de forma sobremaneira peculiar. Foi o sentir do peso [indescritível] dos nossos pecados e transgressões sendo sobre ele colocados. Ele estava sendo feito “maldição por nós.” Ele estava tomando sobre si nossas dores e tristezas ... Ele, que não conheceu pecado, estava sendo feito “pecado por nós.” Sua natureza santa sentiu [profundamente] o fardo horrendo sobre ele colocado. Estas foram as razões de sua extraordinária tristeza. Devemos ver na agonia do Senhor no Getsêmani a excessiva malignidade do pecado. [Os pensamentos de evangélicos hoje] estão muito aquém do que deveriam estar no que diz respeito ao pecado "(tradução de Ryle, p. 317).

Não pense de maneira superficial sobre pecados como os de faltar à igreja, negligenciar a leitura da Bíblia para jogar vídeo game, olhar pornografia, dançar, embriagar-se. Todos esses seus pecados foram colocados sobre Jesus no Getsêmani. Mas há mais - muito mais. O maior pecado colocado sobre Jesus no Jardim do Getsêmani foi o nosso pecado original, nossa total depravação, que vem de sermos pecadores totalmente depravados. É a “corrupção que há no mundo pela concupiscência” (II Pedro 1:4). É o fato de que “todos nós somos como o impuro” (Isaías 64:6). É o egoísmo, a ganância e a rebelião de nossa natureza contra Deus. É sua “mente carnal [que] faz inimizade contra Deus”, que se rebela contra Deus e quer viver sem Ele (Romanos 8:7). É o coração horrendo e repugnante que você possui (Romanos 8:7). É o coração pecador, passado para você através de Adão, o primeiro pecador. O pecado dele foi passado para você e está em seus genes, em seu sangue e em sua alma. (Romanos 5:12) – “Porque ... pela desobediência de um só homem [todos os seres humanos] foram feitos pecadores” (Romanos 5:19).

Veja como os pequenos recém-nascidos já nascem em pecado. A. W. Pink disse: “A corrupção da natureza humana descobre-se em crianças pequenas ... E como em tão tenra idade isso já se pode ver! Se houvesse alguma bondade [herdada] no homem, seria certamente vista [em recém-nascidos], antes que os maus hábitos fossem formados pelo contacto com o mundo. Mas encontramos [bebês] bons? De jeito nenhum. O resultado invariável do crescimento nos seres humanos é que assim que eles têm idade suficiente [são] maus. Eles manifestam sua teimosia, rancor e vingança. Eles choram, fazem marra se algo não é bom para eles, e ficam [com raiva de seus pais] quando se lhes recusam alguma coisa, muitas vezes tentando [mordê-los]. Há aqueles que, mesmo nascidos e criados em meio a honestidade, são levados ao [furto] sem nunca terem visto um ato de roubo. Por estas [falhas] ... a natureza humana é vista como [pecado] a partir do início de sua existência “(tradução de A. W. Pink, Gleanings from the Scriptures, Man’s Total Depravity, Moody Press, 1981, pp. 163, 164). A Comissão de Crime de Minnesota tornou isso ainda mais claro em um de seus relatórios: “Cada bebê começa a vida como um pequeno selvagem. Ele é completamente egoísta e egocêntrico. Ele quer o que quer, e quando quer ... quer a atenção de sua mãe, o brinquedo de seu companheiro, o relógio de seu tio. Negue-lhe essas [coisas] e ele grita de raiva e agressividade, o que seria letal se não fosse tão impotente ... Isto significa que todas as crianças, não apenas certas crianças, todas nascem delinqüentes, ou seja, pecadoras” (citado por Haddon W. Robinson, em Biblical Preaching, Baker Book House, 1980, pp. 144, 145). Dr. Isaac Watts disse:

Ao primeiro sopro de vida que a nós é dado,
Crescem para a morte as sementes do pecado;
A tua lei exige um perfeito coração,
Mas somos nós, em todas as partes, cheios de corrupção.
(Tradução livre “Salmo 51”, pelo Dr. Isaac Watts, 1674-1748).

Logo ao nascer um bebê grita. Nenhum animal faz isso ao nascer. Eles seriam rapidamente mortos por outros animais na floresta caso vociferassem e gritassem como fazem os bebês humanos. Mas os bebês humanos gritam contra Deus, contra autoridade e contra a própria vida, momentos após nascerem. Por quê? Porque já nasceram com pecado inato de seu antepassado Adão, é por isso. É por esse motivo que sua tendência é rebelar-se, é entrar em desacordo com os líderes cristãos, querer viver como bem entenda, recusar-se a fazer o que é certo. Esta é a causa-raiz do sofrimento e morte em todo o mundo - o pecado inato. É por isso que, mesmo após a conversão, você peca. Seus pais podem pensar que você é um jovem cristão, mas você é realmente um pecador que odeia fazer a vontade de Deus!

Adicione a todo esse pecado original os pecados que os homens cometem em seus pensamentos, palavras e ações, e é fácil ver porque Jesus estava perplexo! Ele foi esmagado quando Deus colocou sobre Ele os pecados do mundo.

Por favor, abra sua Bíblia na descrição que Lucas dá desse momento. Está na página 1108 da Bíblia de Estudo Scofield. Lucas 22:44. Por favor, levantem-se e leiam em voz alta.

“E, posto em agonia, orava mais intensamente; e o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue que caíam no chão” (Lucas 22:44).

Podem sentar-se.

O bispo Ryle disse: “Como poderemos [explicar] a agonia profunda que o Senhor sofreu no jardim? Qual [foi a] razão do sofrimento intenso, tanto mental quanto corporal, que Ele suportou? Existe apenas uma resposta satisfatória: Foi o fardo do pecado [do] mundo a Ele imputado, que então começou a pesar sobre ele ... Foi o enorme peso desses [pecados], que o fez sofrer agonia. Foi sentir a culpa [do] mundo pesando sobre si que fez o Filho eterno de Deus suar grandes gotas de sangue "(traduzido de J. C. Ryle, Luke, Volume 2, The Banner of Truth Trust, edição 2015, pp 314, 315.; nota em Lucas 22:44).

“[Deus] fez pecado por nós, Àquele que não conheceu pecado” (2 Coríntios 5:21).

“O Senhor fez cair sobre Ele a iquidade de nós todos” (Isaías 53:6).

“Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados” (1 Pedro 2:24).

Bispo Ryle disse: “Temos de agarrar-nos firmemente à antiga doutrina que Cristo “levou sobre si nossos pecados,” tanto no jardim [do Getsêmani] quanto na cruz. Nenhuma outra doutrina jamais poderá explicar [o suor de sangue de Cristo], ou satisfazer a consciência do homem culpado “(ibid.). Joseph Hart disse,

Veja do Filho de Deus o sofrer,
Ofegante, suando sangue, a gemer!
Os seus sofrimentos tão intensos
Anjos jamais poderão compreender.
Só Deus, e somente Deus
Pôde todo esse sofrimento conhecer.
   (Tradução livre de “Thine Unknown Sufferings” por Joseph Hart, 1712-1768;
      usando a melodia de “Tis Midnight, and on Olive’s Brow”).

Outra vez, Joseph Hart disse:

Toda minha culpa o Filho de Deus suportou;
E isso através da graça a mim Ele outorgou;
Mas o horror que sentiu
É para mim demasiado conceber.
Nada pode penetrar-te,
Ó escuro, sombrio Getsêmani.
   (Tradução livre de “Many Woes He Had Endured” por Joseph Hart,
      1712-1768; usando a melodia de “Come, Ye Sinners”).

E William Williams disse:

A enorme carga do pecar foi sobre o Salvador colocado;
Com “ais” como um manto, pelos pecadores vestiu-se
Pelos pecadores vestiu-se
   (Tradução livre de “Love in Agony” por William Williams, 1759;
      usando a melodia de “Majestic Sweetness Sits Enthroned”).

“E, posto em agonia, orava mais intensamente; e o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue que caíam no chão”. (Lucas 22:44).

“O Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos” (Isaías 53:6).

Este é o início da expiação vicária de Cristo. A palavra “Vicário” significa o sofrimento de uma pessoa em lugar de outra. Cristo está sofrendo em seu lugar, pelo seu pecado, porque de si mesmo Ele qualquer pecado teve. Cristo tornou-se o portador de nossos pecados no Getsêmani, ali no monte das oliveiras à meia-noite. Ele seria pregado em uma cruz na manhã seguinte, fazendo o pagamento integral pelo seu pecado. Como pode você rejeitar tal amor - o amor que Jesus tem por você? Como pode você endurecer seu coração e rejeitar tal amor? Este é o Filho de Deus, sofrendo em seu lugar, para expiar os seus pecados. Será que você é tão frio e duro que o amor Dele por você não significa nada?

Eu certa vez conheci um agente funerário que tentou contratar-me para realizar funerais para pessoas que não tinham pastor. Ele levou-me para almoçar. Aquele foi o almoço mais estranho que eu já comi. Ele tinha um olhar estranho no rosto quando me dizia que muitas vezes, enquanto trabalhava em cadáveres em seu necrotério, ele comia um sanduíche. Eu não aceitei o trabalho! Eu saí do restaurante horrorizado. Como pode alguém comer um sanduíche enquanto embalsama um corpo morto? Horrível! Mais tarde, vim a perceber que a mente daquele homem já se havia tornado tão fria e dura que aquilo não mais o incomodava. Deixe-me perguntar-lhe, será que você já tornou-se tão frio e duro que já não mais o move ouvir que Jesus sofreu por você? Será que você se tornou tão estranho que já não faz mais nenhum sentido para você eu falar da agonia de Jesus ao expiar pelo seu pecado? Você já se tornou tão calejado como os soldados que pregaram Jesus na cruz - e lançaram sortes sobre suas vestes enquanto ele morria nas proximidades do local? Oh, que não venha a ser assim! Rogo a vocês nesta manhã que confiem no Salvador e sejam purificados de seus pecados por Seu santo Sangue!

Você pode dizer: "Há muito que renunciar." Oh, pare de ouvir o Diabo! Não há nada neste mundo tão importante quanto isto!

Ali sangrou meu Salvador? Morreu meu Rei por mim?
Por tal verme como eu, Sua vida deu assim?

Mas pranto nunca pagará a dívida de Teu amor;
Tudo que posso então fazer, é dar-me todo a Ti, Senhor.
   (Tradução livre de “Alas! And Did My Saviour Bleed?”
      por Dr. Isaac Watts, 1674-1748).

Você está pronto para crer em Jesus? Está pronto para entregar-se a Ele? Você foi tocado com amor em seu coração por Ele? Se não, por favor não vá. Mas, se você foi tocado, vá para o fundo do auditório agora e Dr. Cagan irá levá-lo para um lugar tranquilo, onde poderemos conversar. Amém.

Se este sermão lhe abençoou o Dr. Hymers gostaria de ouvir de você. QUANDO VOCÊ FOR ESCREVER PARA O DR. HYMERS VOCÊ TEM QUE DIZER-LHE DE QUAL PAÍS VOCÊ ESTÁ ESCREVENDO OU ELE NÃO PODERÁ RESPONDER AO SEU E-MAIL. Se estes sermões lhe abençoou envie um e-mail para o Dr. Hymers e conte para ele, mas sempre inclua o país de onde você está escrevendo. O e-mail do Dr. Hymers é rlhymersjr@sbcglobal.net (clique aqui). Você pode escrever para o Dr. Hymers em qualquer idioma, mas escreva em Inglês se você puder. Se você quiser escrever para o Dr. Hymers por correio, o seu endereço é P.O. Box 15308, Los Angeles, CA 90015. Você pode ligá-lo por telefone para (818)352-0452.

(FIM DE SERMÃO)
Você pode ler sermões do Dr. Hymers cada semana na Internet
em www.sermonsfortheworld.com.
Clique no “Sermão em Português.”

Você pode enviar e-mail ao Dr. Hymers para rlhymersjr@sbcglobal.net (Clique Aqui)
ou você pode escrever para ele a P.O. Box 15308, Los Angeles, CA 90015.
Ou ligar para ele (818) 352-0452.

Estes manuscritos de sermão não estão protegidos com direitos autorais. Você pode usá-
los sem permissão do Dr. Hymers. Porém, todas as mensagens de vídeo do Dr. Hymers
estão com direitos autorais e podem ser usados somente com permissão.

Trecho das Escrituras Lido Antes do Sermão por Abel Prudhomme: Marcos 14:32-34.
Solo Cantado Antes do Sermão por Benjamin Kincaid Griffith:
“Many Woes He Had Endured” (por Joseph Hart, 1712-1768).