Print Sermon

Os manuscritos dos sermões e videos do site www.sermonsfortheworld.com alcançam agora cerca de 1.500.000 computadores em mais de 215 países por ano. Centenas de outros assistem os vídeos noYouTube, mas rapidamente deixam o YouTube, pois cada vídeo os redireciona para nosso website. O Youtube redireciona as pessoas para nosso website. Os manuscritos dos sermões são traduzidos em 36 idiomas para por volta de 120.000 pessoas por mês. Estes sermões manuscritos não estão protegidos por direitos autorais, assim pregadores podem usá-los sem nossa autorização. Por favor clique aqui para saber como fazer uma doação mensal para ajudar-nos nesta grande obra de espalhar o Evangelho para todo o mundo, incluindo as nações muçulmanas e hindus.

Ao escrever para Dr. Hymers, mencione sempre o país no qual você vive, caso contrário ele não poderá responder-lhe. O email do rlhymersjr@sbcglobal.net.




ELE ME GLORIFICARÁ

(SERMÃO NÚMERO 5 SOBRE REAVIVAMENTO)
HE SHALL GLORIFY ME
(SERMON NUMBER 5 ON REVIVAL)
(Portuguese)

por Dr. R. L. Hymers, Jr.

Sermão pregado no Tabernáculo Batista de Los Angeles
Dia do Senhor de noite, 17 de Agosto, 2014
A sermon preached at the Baptist Tabernacle of Los Angeles
Lord’s Day Evening, August 17, 2014


Dr. Martyn Lloyd-Jones foi um estudante cuidadoso de reavivamento. Ele estudou a história de reavivamento, e até experienciou reavivamento em sua própria congregação no Wales em 1931. Em uma aula que ele deu sobre o grande evangelista Howell Harris (1714-1773) o “Doutor” disse, “Nós estamos de novo em uma condição de escuridão e morte tão similar ao aquele do ano inicial de século 18” (D. M. Lloyd-Jones, The Puritans: Their Origins and Successors, The Banner of Truth Trust, 1996 edition, p. 302). Em outro livro, Dr. Lloyd-Jones falou de “terrível apostasia que tem caracterizado crescidamente a igreja por os últimos cem anos [agora 150 anos]” (Revival, Crossway Books, 1987, page. 55).

Em minha própria experiência de 55 anos em ministério, eu tenho visto um dramático crise na vida e poder de nossas igrejas. As igrejas hoje, por a maioria da parte, dificilmente parecem-se as igrejas de minha infância – e as mudanças não tem sido boas. Realmente, “nós estamos de novo em uma condição de escuridão e morte.” Realmente, nós estamos em uma condição de “terrível apostasia.”

Eu estou convencido que esta condição horrível tem chegado em grande capacidade porque pastores têm esquecido do que faz a pessoa um Cristão. Em minha experiência, muitos poucos pastores sabem as coisas práticas sobre cobversão e o novo nascimento, mas eu não vou falar isso esta noite.

Muitos de aqueles quem falam sobre reavivamento sabem que nós precisamos do Espírito Santo para fazer ¬algo à reviver nossas igrejas! Mas muitos poucos sabem exatamente o que nós precisamos que o Espírito Santo faça. Eles não sabem o que eles precisam que o Espírito Santo faça porque eles não realizam a profundidade horrível do problema que confrontam eles. Eles pensam que a maioria de seu pessoal são salvos e eles pensam que eles sabem como liderar pessoas novas para experiência de salvação. Todavia eu não sei de nenhum pregador grande quem tem suficiente luz em este sujeito. Como um resultado, bastante números de nossas igrejas estão cheios, de parede a parede, com pessoas perdidas! Nós temos escritos profundamente sobre este problema em nosso livro, Today’s Apostasy [Apostasia de Hoje] (clique aqui para ler).

Eu não vou entrar sobre o problema de reavivamento de forma geral esta noite. Meu enfoque será de falar em o que nós devemos orar se nós desejamos que Deus possa enviar reavivamento para nossa própria igreja local. Uma das armadilhas que nós podemos cair quando nós lemos livros sobre reavivamento é de esperar uma mudança grande em todas as igrejas – no mínimo em um número bem grande deles. E quando nós não vemos do que está acontecendo, nós sentimos desesperados.

Nós devemos entender que cada verdadeira conversão é um milagre. Dr. Cagan e eu revisamos uma lista de aqueles quem foram convertidos esperançosamente. Nós encontramos que havia estado conversões esperançosos cada mês. Isto é, o milagre de conversão tem ocorrido cada mês em nossa igreja por mais de um ano. Eu não estou falando sobre “decisões” claro, eu estou falando sobre conversões reais. O que nós estamos orando sobre reavivamento é por mais conversões milagrosas, por Deus presenciar e converter mais pessoas para Cristo.

Agora, o que exatamente nós deveríamos orar por? Eu acredito que nossa preocupação principal deveria ser à orar pelo Espírito Santo que venha em poder maior. Eu realizo que muitas pessoas irão rejeitar qualquer coisa que eu digo sobre este assunto. Existiu tanto ensinamento falso sobre o Espírito Santo no século vinte que eu não posso culpar eles. E ainda o Espírito Santo é a origem de conversão individual, e também de reavivamentos. Membros de igreja de hoje pensam do Espírito Santo como causar as pessoas de “falar línguas,” ou conseguir à ganhar muito dinheiro, ou ser fisicamente curado. Mas nenhum de isso tem nada que fazer com a obra central, a obra principal, do Espírito Santo. Por favor torne em sua Bíblia para João 16:14. Aqui nós vemos a obra principal de Espírito de Deus. Jesus disse,

“Ele me glorificará” (João 16:14).

A palavra Grega traduzida “glorificará” significa de “honrar, estimar, magnificar, louvar” (Strong #1392). A obra do Espírito Santo é de glorificar Cristo, de causar nós de estimar Cristo, de magnificar Cristo, e causar nós de honrar Ele.

Quando pessoas passam por conversão falsa, isto é sempre assim porque eles tem rejeitado Jesus Próprio. Como Dr. Cagan apontou em nosso livro, Today’s Apostasy,

Pessoas com uma base Católica irá geralmente pensar em termos de salvação por obras: deixando alguns pecados, indo para igreja, seguindo Jesus, amando Jesus, confeções, e geralmente “sendo bom.”

Pessoas com um base Batistta, evangélico ou Reformado irá muitas vezes crer batismo, dizendo a “oração de pecador,” ou mentalmente acreditar a doutrina Cristiana, tanto como conseguindo recitar o “plano de salvação,” ou o “Catecismo Westminster.”

Pessoas com base carismático ou Pentecostal normalmente pensam em termos de sentimentos e experiências. Se a pessoa tive uma experiência com que ele pensa que é o “Espírito Santo,” sente-se a benção de Deus em sua vida, our sente-se paz ou alegria em seu coração, ele considera ele mesmo salvo.


Muitas vezes pessoas assim vem para nós por conselho, buscando certeza ou outro sentimento quando em fato eles nunca haviam sido salvos por crer Cristo (Today’s Apostasy, Hearthstone Publishing, 2001 edition, p. 141).

Aqui está a maneira que muitas vezes sai da nossa igreja. Quando o pastor pergunta eles para dizer sobre o dia que eles foram salvos, eles irão invariavelmente começar com uma longa história de “piada batida,” muitas vezes dando seus pensamentos sobre um sermão que eles escutarão antes, e muitos outros detalhes, o qual talvez até incluindo o sentimento que eles foram pecadores. Eles normalmente dizem uma boa história, normalmente entrando em grande detalhes, instruindo ao tão-chamado conversão deles. E depois eles param de forma repentina. Eles quase sempre terminam por dizer, “E assim eu confiei Jesus,” ou “E assim eu vim para Jesus.”

Então nós perguntamos eles para nos dizer um pouco sobre Jesus, e sobre o que aconteceu quando eles chegaram ao Ele (ou confiaram Ele). É aqui aonde a coisa inteira cai. Eles não conseguem dizer bastante, de qualquer coisa, sobre Jesus Próprio. Em seu livro, Around the Wicket Gate, Spurgeon disse, “Existe a tendêcia desprezível entre os homens de deixar Cristo Ele mesmo fora de Evangelho” (Pilgrim Publications, 1992 edition, p. 24). Eu digo para eles que desejo que eles continuem vindo e escutar ao Evangelho. Eu quero ter certeza que Jesus é o centro em suas testemunhas. Não importa como interessante é o testemunho de alguém, se Cristo não é o centro, eles ainda não são salvos!

O Espírito Santo faz duas coisas principais em cada conversão real. A primeira coisa está em João 16:8-9,

“E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo. Do pecado, porque não crêem em mim” (João 16:8-9).

Convicção de pecado é a primeira obra de Espírito de Deus. Nós havemos tendidos de fazer conversão uma coisa trivial, um coisa pequena, que a pessoa pode ter por murmurar umas poucas palavras, ou aprender de dizer certas coisas. Que Deus ajude nós! Nós deixamos de fora o Espírito Santo! Nós temos esquecidos que Ele deve convencer nós de nosso pecado que está situado profundamente e rebelando contra Deus! Dr. Lloyd-Jones descreveu convicção como vendo a praga de seu próprio coração, e a maldade de sua natureza que você tem herdado desde Adão. Convicção é ver seu estado de sem esperança, e seu desespero total, antes de este santo, justo Deus, quem odeia pecado com o Seu ser completo (parafraseado desde Revival, Crossway Books, 1987, p. 42). Isto acontece, mais ou menos, em todos quem são verdadeiramente convertidos. Dr. Lloyd-Jones disse, “Qualquer homem quem está despertado e convencido de pecado deve estar incomodado sobre isso. Como que ele pode morrer e estar diante de Deus?” (Assurance, Romans 5, The Banner of Truth Trust, 1971, p. 18).

Então isto é a primeira coisa que o Espírito Santo faz em uma conversão verdadeira. Ele disturba a pessoa. Se você não tem sido profundamente disturbado sobre sua natureza pecaminosa, você não irá pensar muito sobre o Senhor Jesus Cristo. Você escuta as palavras sobre Ele morrer na Cruz, mas isto não faz muito sentido ao você. Porque? Porque você nunca sido convencido “do pecado, e da justiça e do juízo” (João 16:8). E ainda o pecador perdido não deve cessar em convicção unicamente! Convicção somente não irá salvar você!

Eu recentemente falei com um homem jovem quem havia passado por convicção profundo de pecado por vários dias. Eu disse ele para ir ao Jesus por salvação através de Seu Sangue. Ele pareceu que fez isto. Ele pareceu que tem visto ao Jesus. Eu esperei por poucas semanas e depois perguntei ele para me dizer como ele foi salvo. Ele falou e falou sobre o pecado dele. Não teve nenhuma questão que ele havia estado em profunda convicção. Mas ele finalizou por dizer, “E então eu vim para Jesus.” Eu perguntei ele para me dizer um pouco mais sobre Jesus. Ele murmurou, mas isso foi bem óbvio que, mesmo que ele havia estado convencido, ele não teve encontrado paz através do Salvador e Seu Sangue!

Frequentemente pessoas me perguntam, “Como você chegou ao Jesus?” Para responder esta questão, nós devemos olhar para João 6:44,

“Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não trouxer” (João 6:44a).

Você deve ser atraído ao Jesus por Deus o Pai através do Espírito Santo. Geralmente falando, o Espírito de Deus irá somente atrair o pecador ao Jesus quando ele estar abaixo de convicção de pecado, e clamar por misericórdia. Quando o Espírito Santo atrai alguém para Jesus, isto muitas vezes parece como que eles estavam cegos antes, e agora seus olhos se abrem – e eles veem o Salvador maravilhoso, braços Dele aberto para abraçar eles! Eles poderiam cantar com John Newton (1725-1807),

Eu uma vez estava perdido, mas agora estou achado,
Estava cego, mas agora eu vejo.
   (“Amazing Grace”).

Então, quando nós falamos de reavivamento, nós devemos pensar em termos de Evangelho. Reavivamento é nada mais, ou menos, que o Espírito de Deus fazer pessoas sentir-se de pecado deles, e assim atrair eles para Jesus por salvação através de Sangue Dele. Quando isto acontece à uma pessoa, enquanto isso acontece cada poucas semanas em nossa igreja, isto é conversão, o milagre de conversão! John W. Peterson fez isto claro em uma de suas canções,

Levou um milagre para colocar as estrelhas em lugar;
   Levou um milagre para botar o mundo no universo.
Mas quando Ele salvou minha alma,
   Limpou-se e me fez completo,
Levou um milagre de amor e graça.
      (“It Took a Miracle” por John W. Peterson, 1921-2006).

E quando este milagre acontece à numeros de pessoas em vez, vamos dizer 10 ou 12 pessoas de vez em uma igreja local, isto é reavivamento! Isto é simples assim! O que acontece em uma conversão única acontece a várioas pessoas em um perído cutro de reavivamento. Quando o Espírito Santo vem em poder de reavivar, Ele sempre glorifica Jesus nas vidas de vários convertidos!

“Ele me glorificará” (João 16:14).

Escute ao Dr. Lloyd-Jones uma vez mais.

     Reavivamento, acima de toda coisa, é a glorificação de Senhor Jesus Cristo, o Filho de Deus. Isto é a restauração Dele para o centro da vida da igreja...Não existe o valor em tão-chamado Cristianismo o qual não exalta Ele, e vive por Ele, e vive para testemunhar [de] Ele...particularmente expiação Dele, Sua morte na cruz, Seu corpo quebrado e Seu sangue derramado. De novo eu estou citando para você puro fato o qual você pode checar por você mesmo. Você irá achar isto em cada período de reavivamento, sem excepção, existiu um ênfase tremendo sob o sangue de Cristo. Os hinos que têm sido cantado na maioria de todos os períodos de reavivamento, têm sido sobre o sangue... O principal...centro de evangelho Cristiano é isto, “Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue” (Romanos 3:25)...Eu não vejo esperança por reavivamento enquanto os homens e as mulheres estão negando o sangue da cruz... (Revival, ibid., pp. 47, 48, 49).

Existe a fonte cheio com sangue
Tirado desde as veias do Imanuel;
E pecadores, mergulhado abaixo de este enchente,
Perde todas as suas manchas de culpa;
Perde todas as suas manchas de culpa.
   (“There Is a Fountain” por William Cowper, 1731-1800; to the tune of
      “Ortonville,” “Majestic Sweetness Sits Enthroned”).

Quando eu olho a maravilhosa cruz
   Em que o Príncipe de glória morreu,
Meu mais ricos ganham conto mas a perda,
   E derramar desprezo sobre todo o meu orgulho.

Ver, a partir de Sua cabeça, Suas mãos, Seus pés,
   Fluxo de dor e de amor misturada baixo;
Fez tal amor e tristeza atender,
   Ou espinhos compõe tão rica coroa?
(“When I Survey the Wondrous Cross” por Dr. Isaac Watts, 1674-1748).

No risco de ser mal entendido, eu sinto que eu devo dizer que isto é aonde os carismáticos e Pentecostales estavam errados. Eles tendem de enfocar no Espírito Santo Mesmo. A morte de Jesus na Cruz não a coisa principal. Eles são excitados sobre curas, matança no Espírito, sinais e milagres. Não inporta quanto eles possam protestar do que eu dizer, eles não fazem a morte substitutiva de Jesus na Cruz o sujeito principal! Convicção de pecado, e perdão através de Sangue de Cristo não é central. Mas eu devo também dizer que nós quem somos evangélicos e fundamentalistas não somos melhores! Nós estamos ocupados ensinando a Bíblia versículo por versículo para os perdidos quem clamam de ser Cristãos em nossas igrejas. Isto é aonde nós havenos errados, O bem centro de Evangelho Cristiano é Jesus Cristo e Ele crucificado.O mais notável pregador Cristiano de todo tempo que foi produzido disse,

“Nada me propus saber entre vós, senão a Jesus Cristo, e este crucificado” (I Coríntios 2:2).

Nós nunca iremos ter reavivamento quando os homens e as mulheres podem dizer unicamente, “E então eu vim para Jesus.” Que Deus nos ajude! Se isso é tudo que você pode dizer sobre o Cordeiro de Deus quem foi torturado e crucificado para salvar você, então eu penso que você está cego como o Testemunho de Jeová ou um Muçulmano! Eles, também, falam de Jesus! Aonde está o Sangue? Aonde está o amor incomparável que conduziu Ele desde o palácio real de Céu à ser catigado, cuspido, e pregado na cruz?

Algumas vezes eu penso que eu tenho falhado você. De alguma forma eu não lhe ensinei para amar Jesus suficientemente para falar sobre Ele um pouco no mínimo. De alguma forma eu não consegueria fazer você a amar Jesus. Eu não conseguiria fazer você realmente sentir, e capaz de dizer,

Eu amo Ti, porque Vós tem primeiro me amado,
E comprado meu perdão no madeiro de Calvário;
Eu amo Ti por colocar as espinhas em Tua testa,
Se alguma vez eu amei Ti, meu Jesus, é agora.
   (“My Jesus, I Love Thee” por William Featherstone, 1842-1878).

Oh, queridos amigos, vamos fazer jejum e orar de novo no próximo Sábado até às 5:00. Vamos fazer jejum e orar pelo Espírito Santo fazer duas coisas – convencer de pecado, e glorificar Jesus por atrair pecadores ao Ele, por limpar em Seu Sangue. Amém.

(FIM DE SERMÃO)
Você pode ler sermões do Dr. Hymers cada semana no Internete
em www.realconversion.com ou www.rlhsermons.com.
Clique no “Sermão em Português.”

Você pode mandar correio eletrônico para Dr. Hymers em Inglês rlhymersjr@sbcglobal.net
– ou você pode escrever para ele a P.O. Box 15308, Los Angeles, CA 90015.
Ou liga ele para (818)352-0452.

Estes manuscritos de sermão não estão protegidos pelos direitos autorais. Você pode usar
eles sem permissão de Dr. Hymers. Porém, todos os messagens de video de Dr. Hymers
estão protegidos e pode somente ser usados por permissão.

Escritura Lido Antes de Sermão por Mr. Abel Prudhomme: João 16:7-14.
Solo Cantado Antes de Sermão por Mr. Benjamin Kincaid Griffith:
“There Is a Fountain” (por William Cowper, 1731-1800; to the tune of
“Ortonville,” “Majestic Sweetness Sits Enthroned”).