Print Sermon

O objetivo deste site é fornecer gratuitamente manuscritos e vídeos de sermões para pastores e missionários em todo o mundo, especialmente o Terceiro Mundo, onde existem poucos seminários teológicos ou escolas bíblicas.

Estes manuscritos e vídeos de sermões alcançam agora cerca de 1.500,000 computadores em mais de 221 países anualmente através do site: www.sermonsfortheworld.com. Centenas de outras pessoas assistem os vídeos noYouTube, mas rapidamente deixam o YouTube, pois cada vídeo os redireciona para nosso website. O YouTube redireciona as pessoas para nosso website. Os manuscritos dos sermões são traduzidos para 39 idiomas para cerca de 120.000 computadores mensalmente. Estes sermões manuscritos não estão protegidos por direitos autorais, para que, assim, pregadores possam usá-los sem nossa autorização. Clique aqui para saber como fazer uma doação mensal para ajudar-nos nesta grande obra de divulgar o Evangelho para todo o mundo, incluindo nações muçulmanas e hindus.

Ao escrever para Dr. Hymers, mencione sempre o país no qual você vive, caso contrário ele não poderá responder-lhe. O email do Dr. Hymers é rlhymersjr@sbcglobal.net.




TRÊS JARDINS CONTAM A HISTÓRIA

THREE GARDENS TELL THE STORY
(Portuguese)

por Dr. R. L. Hymers, Jr.

Sermão pregado no Tabernáculo Batista de Los Angeles
Dia do Senhor de noite, 6 de Abril, 2014
A sermon preached at the Baptist Tabernacle of Los Angeles
Lord’s Day Evening, April 6, 2014

“Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo” (I Coríntios 15:21-22).


Morte fisical e espiritual veio desde Adão. Por causa do pecado de Adão, todo ser humano são nascidos pecadores. Nós somo todos nascidos com a natureza de pecado. Mas por causa de justiça de Cristo todos quem são salvos por Ele são tornados justos e recebem vida eterna. Em versículo cinquenta-cinco, nós lemos de primeiro Adão e o último Adão. O primeiro Adão trouxe pecado e morte à raça humana pelo pecado dele. O último Adão, Jesus Cristo, trouxe salvação e vida para aqueles ser humanos quem confia Ele em uma experiência de conversão. Pecado e seu remédio pode ser descrevido em três jardins, o qual são tipos de pecado e salvação. Eu não consigo pensar de uma maneira melhor para apresentar uma descrição clara de pecado e salvação que revisa o significado de estes três jardins.

I. Primeiro, vamos pensar por alguns minutos sobre o Jardim de Éden.

A Bíblia ensina que Deus criou o homem primeiro. A Bíblia ensina que existiu um homem atual quem Deus colocou no Jardim de Éden. “E plantou o Senhor Deus um jardim no Éden, do lado oriental; e pôs ali o homem que tinha formado” (Gênesis 2:8). Este homem foi colocado no Jardim de Éden para ter domínio sobre o mundo, e para proteger o Jardim. Ele foi dado um mandamento de não comer da árvore do conhecimento de bem e mal.

“Mas da árvore do conhecimento do bem e do mal, dela não comerás; porque no dia em que dela comeres, certamente morrerás” (Gênesis 2:17).

Mas Satanás veio adentro de Jardim e alciou o homem de comer a fruta proibida. Ele comeu a fruta e trouxe a maldição de Deus na raça humana. O homem e sua esposa foram expulsos desde o Jardim de Éden. O meio ambiente da terra também caiu abaixo de maldição de Deus. O mundo tornou-se um lugar hostil por todas coisas vivas como um resultado direto de grande pecado de Adão em desobedecer Deus. Morte foi transmitido desde Adão para a raça humana inteira. Isto foi manifestado em morte espiritual, alienação desde Deus, e cegueira ao verdade, e também enquanto a morte física. Dr. Martyn Lloyd-Jones disse,

A história completa de raça humana pode ser resumido em termos o qual tem acontecido por causa de Adão…pense de toda miséria e infelicidade, o colapso de moral, ladrões, roubo, homicídio, divórcio, separação, todas estas coisas. Porque é assim? E porque isso tem sempre sido assim? O livro de história nos diz que isto tem sempre sido o padrão das coisas. O mundo não é diferente hoje comparado do que sempre tem sido. Mas porque é assim? O Apóstolo Paulo respondeu a questão aqui [em Romanos 5:12-21]. Ele diz que tudo isso resulta desde Adão, que isto está todo ligado com o que Adão fez, e nossa relação com ele (Martyn Lloyd-Jones, M.D., Romans – Exposition of Chapter Five, The Banner of Truth Trust, 2003, p. 178).

A Bíblia faz isto bem simples,

“Por um homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens por isso que todos pecaram” (Romanos 5:12).

A morte que passou para nós por herança inclui inimizade, ou hostilidade e amargura contra Deus,

“Porquanto a inclinação da carne [não convertido] é inimizade contra Deus” (Romanos 8:7).

Esta morte Adâmica também faz cegar nosso pensamento humano ao verdade da Bíblia,

“Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente” (I Coríntios 2:14).

O Spirit of the Reformation Study Bible [Bíblia de Estudo Espírito de Reformação] diz,

Teologia reformada tem dependido pesadamente na realidade histórico da queda de pecado…Adão foi originalmente criado em justiça mas caiu em um estado de corrupção e julgamento…A narrativa da queda fornece a explicação histórica convincente de perversão humana e a natureza de corrupção (Spirit of the Reformation Study Bible, Zondervan Publishing House, 2003, p. 14).

Portanto nós podemos seguir o pecado, cegueira, e natureza rebelde perversamente da raça humana ao corrupção horrível de desafio de Adão ao Deus em Jardim de Éden, no começo da história. O Jardim de Éden é o lugar aonde pecado veio para destruir a raça humana. Nós podemos chamar isto “o Jardim da Morte.”

Poucos de vocês aqui esta noite estão esforçando-se para ser convertidos. Você diz que você deseja a confiar Cristo, mas parece que você não consegue de fazer isto. Qual é o problema com você? Você tem sido cegado pelo pecado de Adão, o qual você herdou em seu gene, e o qual tem envenenado sua alma! A Bíblia diz que você está “mortos em ofensas” (Efésios 2:5). Você não pode aprender para ser um Cristão porque você tem sido envenenado até morte! Não existe esperança humana por você porque bílis negro de pecado está em suas veias, o vírus canceroso que veio dentro de seu sangue desde Éden – o Jardim da Morte!

Oh! vós mosntro horrível, pecado,
Que maldição vós tem trazido adentro!
Toda criação berra através de ti,
Vós tem causado toda miséria!
Vós tem arruinado homem desgraçado
Desde que o mundo começou.
   (“Much We Talk of Jesus’ Blood” por Joseph Hart, 1712-1768).

II. Segundo, vamos pensar sobre o Jardim de Getsêmani.

Jesus comeu uma refeição de Páscoa com Discípulos Dele. Estava tarde de noite quando eles terminaram a refeição. Eles cantaram um hino e foram embora. Eles seguiram Jesus para dentro de um bosque de oliva ao lado de Monte das Oliveiras. Este lugar foi chamado de Jardim de Getsêmani. Jesus deixou os oito de Seu Discípulos na beira de Jardim. Ele levou Pedro, Santiago, e João mais profundamente na escuridão do Jardim. Ele estava já em grande agonia “ter pavor” – “angustiar-se” – “profundamente triste até a morte” (Marcos 14:33, 34). Então Ele orou, “Pai, se queres, passa de mim este cálice” (Lucas 22:42). O que foi “este cálice”? Maioria dos comentadores dizem que isto foi uma referênica da morte Dele na Cruz o dia seguinte. Mas esta concepção contradiz Hebreus 12:2, o qual nos diz que Jesus “pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta.”

Spurgeon perguntou, “Qual foi a causa de sofrimento peculiar de Getsêmani?” Ele disse que isto não veio de dor corpóreo. Ele disse que isto não veio de medo de ser zombado e crucificado no dia seguinte. Ele apontou que muitos mártir foram felizmente à suas mortes. Ele disse, “Nosso Mestre não deve ser pensado como inferior ao [mártir], isto não pode ser que ele deve tremer aonde eles foram corajosos.” Ele disse também que agonia de Cristo não veio desde um ataque por Satanás. Ele disse que a razão verdadeira por agonia de Cristo no Jardim foi isto: “Ao Senhor agradou moê-lo, fazendo-o enfermar; quando a sua alma se puser por expiação do pecado” (Isaías 53:10). “O Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos” (Isaías 53:6).

Dr. R. C. H. Lenski disse, “A agonia de Getsêmani irá sempre permanecer completo em mistério para nós…pecado de mundo havia, certamente, sido assumido por Jesus durante a vida inteira dele, mas aqui em Getsêmani o momento supremo de esta suposição havia visto” (R. C. H. Lenski, Ph.D., The Interpretation of St. Luke’s Gospel, Augsburg Publishing House, 1946, p. 1074).

Eu acredito que Jesus carregou nossos pecados sob Ele no Jardim de Getsêmani. E isto quase matou Ele – porque “o Senhor fez cair sobre ele a iniqüidade de nós todos.” Esmagado por dentrou e sem nossos pecados,

“Seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue, que corriam até ao chão” (Lucas 22:44).

Ele carregou nossos pecados desde Getsêmani até a Cruz, e expiou por eles lá no dia seguinte.

Espera! Isto não é uma doutrina de Mórmon! Alguns de vocês devem saber que os Mórmon ensinam que o Sangue que Ele derramou na Getsêmani perdoa-nos. Bruce McConkie, um teólogo dos Mórmons, disse, “Perdão está disponível por causa que Cristo o Senhor derramou imenso gotas de sangue no Getsêmani” (Bruce R. McConkie, The Promised Messiah, Deseret Book Company, 1978, p. 337). Mas isso não é o que eu disse! Eu disse que eu acredito Jesus tomou nossos pecados sob Ele desde Getsêmani até a Cruz, e expiou por eles . Isto é o primeiro ponto de Evangelho, “Cristo morreu por nossos pecados, segundo as Escrituras” (I Coríntios 15:3). A Bíblia diz que Cristo “feito a paz pelo sangue da sua cruz” (Colossenses 1:20) – não através de suor sangrento no Jardim! Nossa salvação somente vem através de Sangue que Cristo derramou na Cruz, não o Sangue que saiu de Seu dedo quando Ele cortou-se – não até o suor sangrento no Jardim. Somente o Sangue que Ele derramou na Cruz pode limpar nós desde pecado! Dessa forma, minha posição é o mesmo que do Spurgeon, o teólogo reformado Dr. J. Oliver Buswell, e Dr. John R. Rice. Clique aqui para ler o que Dr. Bruswell e Dr. Rice escreveram sobre Getsêmani. As cotações estão em meu sermão, “O Horror de Getsêmani.”

Isto foi coincidência que o pecado de homem começou em um Jardim, e Cristo carregou nosso pecado sob Ele em outro Jardim? Talvez deve ser – e todavia grande Spurgeon teve curiosidade sobre isso. Ele disse,

Talvez nós não concebemos isto como em um jardim, satisfação própria de Adão arruinou nós, então em outro jardim as agonias do segundo Adão devem restaurar nós? Getsêmani fornece a medicina por as desgraças que sucederam sob a fruta proibída de Éden (C. H. Spurgeon, “The Agony in Gethsemane,” The Metropolitan Tabernacle Pulpit, volume XX, Pilgrim Publications, 1971, p. 589).

Mas isto traz-nos ao terceiro jardim, e os três desses juntos retrata a caída de humanidade e sua restauração em Cristo Jesus.

III. Terceiro, vamos nos concluir por pensar sobre jardim que conteve a tumba do Salvador.

“Tomaram, pois, o corpo de Jesus e o envolveram em lençóis com as especiarias, como os judeus costumam fazer, na preparação para o sepulcro. E havia um horto naquele lugar onde fora crucificado, e no horto um sepulcro novo, em que ainda ninguém havia sido posto. Ali, pois (por causa da preparação dos judeus, e por estar perto aquele sepulcro), puseram a Jesus” (João 19:40-42).

O corpo de Jesus foi colocado em este tumba no jardim atado ao Calvário, aonde Ele foi crucificado. Eles fecharam a entrada de tumba com uma rocha, e selaram isto com um selo de Roma. Eles puseram guardas para vigiar por toda noite.

Cedo na manhã de Domingo, Maria Madalena e outra Maria vieram para o jardim aonde tumba estava com aromas, para embalsamar o corpo. Enquanto eles aproximaram-se, teve um terremoto violento. Um anjo veio abaixo e rolou de volta a rocha desde a entrada de tumba. Ele disse para as duas mulheres,

“Não tenhais medo; pois eu sei que buscais a Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito” (Mateus 28:5-6).

Enquanto elas foram para dizer aos Discípulos, Jesus encontrou elas. “Elas, chegando, abraçaram os seus pés, e o adoraram” (Mateus 28:9). Ele disse que elas deveriam ir e dizer para os Discípulos.

A ressurreição de Jesus desde a morte é uma das duas mais importantes doutrinas de Cristianismo. Sua morte como pagamento por nosso pecado, e Sua ressurreição física para dar-nos vida são as duas partes de Evangelho. A palavra “Evangelho” significa “boas notícias.” É a boa notícia de saber que Jesus ressucitou fisicamente desde a morte “por nossa justificação” (Romanos 4:25). Ressurreição Dele desde a morte trouxe justificação e vida para aqueles quem estão unidos com Ele pela fé. O Jesus ressucitado salva aqueles quem vem para Ele desde a maldição de pecado, e condenação eterna.

“O primeiro homem, Adão, foi feito em alma vivente; o último Adão [Cristo] em espírito [que dá vida] vivificante” (I Coríntios 15:45).

O primeiro Adão mergulhou a raça humana em pecado e morte pela Sua desobediência ao Deus. O último Adão, Cristo, veio para desfazer a maldição de pecado e dar-nos vida. Como Spurgeon coloca isto, “Nós não devemos entender que enquanto em um jardim, [pecado de] Adão nos arruinou, filho em outro jardim o [último] Adão deve nos restaurar” (ibid). E Cristo, o último Adão, ressucitou desde a morte no terceiro jardim – desde o jardim de tumba.

“Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo” (I Coríntios 15:21-22).

Aqui você tem um visão geral de doutrinas de pecado e salvação, dado à nós na forma de estes três jardins – o jardim de pecado, o jardim de sofrimento, e o jardim de vida nova!

Isto é bonito e verdadeiro teologia. Mas o que isto tem de fazer com você? Nada se você não é renascido. Você irá viver e morrer, e ir para Inferno. E estas palavras que eu tenho dado ao você desde a Bíblia irá perseguir você, e atormentar você, por toda eternidade. Eu oro que não irá acontencer ao você. Isto não acontecerá ao você se você jogar você mesmo sob Jesus, e confiar Ele em seu coração.

Pense em qual grande coisa Jesus fez quando Ele desceu desde Céu para sofrer, sangrar e morrer para salvar você desde seu pecado. Você irá parar de pensar sobre você mesmo e pensar somente sobre Ele? Você irá parar de examinar você mesmo e olhar fora de você mesmo para Jesus? Você irá confiar Ele e não sua ¬própria mente e seu próprio sentimento? O hino antigo estava certo quando disse isto, “There’s light for a look at the Saviour” [Existe luz para olhar no Salvador].

O alma, você está cansado e perturbado?
Não há luz na escuridão que você vê?
Existe luz para olhar no Salvador.
E vida mais abundante e grátis!
Vire seus olhos sob Jesus,
Olhe completamente em Seu rosto maravilhoso;
E [seus medos e dúvidas] irá estranhamente desaparecer,
Na luz de Sua glória e graça.
   (“Turn Your Eyes Upon Jesus” por Helen H. Lemmel, 1863-1961;
      alterado por Dr. Hymers).

Se você gostaria de falar com nós sobre ser salvo por Jesus, por favor deixe seu asento e ande para trás de este auditório agora. Dr. Cagan levará você para outro quarto aonde nós podemos orar e conversar. Dr. Chan, por favor ore por alguém à olhar para Jesus e ser salvo esta noite. Amém.

(FIM DE SERMÃO)
Você pode ler sermões do Dr. Hymers cada semana no Internete
em www.realconversion.com ou www.rlhsermons.com.
Clique no “Sermão em Português.”

Você pode mandar correio eletrônico para Dr. Hymers em Inglês rlhymersjr@sbcglobal.net
– ou você pode escrever para ele a P.O. Box 15308, Los Angeles, CA 90015.
Ou liga ele para (818)352-0452.

Estes manuscritos de sermão não estão protegidos pelos direitos autorais. Você pode usar
eles sem permissão de Dr. Hymers. Porém, todos os messagens de video de Dr. Hymers
estão protegidos e pode somente ser usados por permissão.

Escritura Lido Antes de Sermão por Mr. Abel Prudhomme: Lucas 22:39-44.
Solo Cantado Antes de Sermão por Mr. Benjamin Kincaid Griffith:
“Turn Your Eyes Upon Jesus” (por Helen H. Lemmel, 1863-1961; alterado pelo Pastor).


PLANO DE

TRÊS JARDINS CONTAM A HISTÓRIA

THREE GARDENS TELL THE STORY

por Dr. R. L. Hymers, Jr.

“Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo” (I Coríntios 15:21-22).

I.   Primeiro, vamos pensar por alguns minutos sobre o Jardim de Éden,
Gênesis 2:8, 17; Romanos 5:12; 8:7; I Coríntios 2:14;
Efésios 2:5.

II.   Segundo, vamos pensar sobre o Jardim de Getsêmani,
Marcos 14:33, 34; Lucas 22:42; Hebreus 12:2; Isaías 53:10,6;
Lucas 22:44; I Coríntios 15:3; Colossenses 1:20.

III.  Terceiro, vamos nos concluir por pensar sobre jardim que conteve a
tumba do Salvador, João 19:40-42; Mateus 28:5-6, 9;
Romanos 4:25; I Coríntios 15: 45.